Viewing entries in
pedestrianismo

Rota da Garganta de Loriga e Rota dos Socalcos

Rota da Garganta de Loriga e Rota dos Socalcos

Data: 13 de Dezembro a partir das 21h no alojamento para evitar a viagem de madrugada no Sábado, 14 e 15 de Dezembro de 2019

Data limite de inscrição: 5 de Novembro 2019. Após esta data não será garantido a pernoita no alojamento, nem as refeições, sendo da responsabilidade do(a) participante.

Número mínimo de participantes, para que a actividade se realize : 5

Número máximo de participantes : 10

Solicitar a inscrição para o email trilhosecumes@gmail.com

ROTA DA GARGANTA DE LORIGA

Este percurso passa ainda hoje por locais, onde os pastores da Serra da Estrela passam durante as suas jornadas de trabalho. A paisagem compensa, a exigência do percurso, apesar de o realizarmos de forma descendente.

Este trajecto liga o Planalto superior da Serra da Estrela e a Vila de Loriga. Um vale marcado durante a sua extensão, pelos vestígios da última Era Glaciar, a que a Serra da Estrela esteve sujeita.

Durante o percurso, é de salientar uma sucessão de 4 depressões, conhecidas por Covão Boieiro, Covão do Meio, Covão da Nave e Covão da Areia.

Património Natural:

  • Vale Glaciar de Loriga

  • Covão Boieiro, Covão do Meio, Covão da Nave e Covão da Areia

Património Histórico - Cultural:

  • Barragem do Covão do Meio

  • Estruturas rústicas associadas à Transumância

  • Eira da Pedra

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Linear

  • Início e fim do percurso: Salgadeiras e Loriga (Largo da Carreira)

  • Distância: 9 Quilómetros

  • Duração aproximada: 3h30m

  • Grau de dificuldade: Difícil

  • Desnível acumulado: + 1188 metros /- 122 metros

  • Altitude mínima: 768 metros

  • Altitude máxima: 1838 metros

ROTA DOS SOCALCOS

Este percurso será na envolvente da aldeia de Cabeça, um vale com vertentes abruptas, de carácter rural. Onde é possível observar os costumes e tradições típicas das aldeias serranas.

Na aldeia, localizada no topo de um cabeço sobranceiro à ribeira de Loriga, destaca-se o casario tradicional, constituindo um dos melhores exemplos de uma povoação de traça típica em xisto.

Passaremos por uma paisagem predominante marcada por socalcos, existindo nas margens da ribeira, bosquetes de azereiros e azevinhos, testemunhando a vegetação natural do vale nas épocas anteriores à última Era Glaciar.

Património Natural:

  • Souto

  • Vale da Ribeira de Loriga

  • Meandros Fluviais

  • Sobreiro monumental do Outeiro da Ponte

Património Histórico-Cultural:

  • Aldeia em Xisto

  • Socalcos agrícolas

  • Ponte do Porto

  • Lugar da Várzea

  • Moinhos hidráulicos

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Circular

  • Início e fim do percurso: Cabeça (Igreja Matriz)

  • Distância: 3 Quilómetros

  • Duração aproximada: 1h45m

  • Grau de dificuldade: Fácil

  • Desnível acumulado: + 197 metros / - 197 metros

  • Altitude mínima: 400 metros

  • Altitude máxima: 522 metros

PREÇO INDIVIDUAL : 100 €

O que está incluído ?

  • Acompanhamento técnico do monitor de montanhismo e escalada devidamente credenciado profissionalmente pela Escola Nacional de Montanhismo, com 22 anos de experiência.

  • Visita ao Centro de Interpretação do Geopark Mundial da Serra da Estrela

  • 2 Noites em alojamento nas Penhas da Saúde, em camaratas.

  • 2 Pequenos-almoços

  • 1 Jantar

  • Seguro de Responsabilidade Civil e de Acidentes Pessoais durante a actividade.

Nota: Entre os participantes poderá ser combinado um sistema de boleias para minimizar os custos de deslocação até à Serra da Estrela.

LISTA DE MATERIAL INDIVIDUAL OBRIGATÓRIA PARA SUA SEGURANÇA E CONFORTO:

  • Gorro ou passa-montanhas

  • Saco-Cama

  • Bastões de caminhada

  • Protector solar, labial.

  • Óculos de sol

  • 1 Impermeável/Corta vento

  • 1 Polar

  • 1 Polar suplente

  • 1 Par de Luvas Polares

  • 2 T-shirt´s térmicas ou normais do dia-a-dia

  • Calças de montanhismo/Pedestrianismo

  • 2 Pares de meias de pedestrianismo (caminhadas)

  • Botas de pedestrianismo (caminhadas) / montanhismo

  • 1 Cantil de 1,5 Lt ou uma Garrafa de 1,5 Lt

  • Barras energéticas

  • Frutos secos

  • 2 Almoços ( Sandes, Fruta, sumos, ao critério de cada participante)

  • Material de Higiene Individual: Escova e pasta de dentes, chinelos para banho, toalha de banho, desodorizante, etc.

  • Muda de roupa interior para 2 dias.

  • Roupa de pernoita

 Rota das Minas do Círio e Rota da Caniça

Rota das Minas do Círio e Rota da Caniça

Data: 24 de Janeiro a partir das 21h no alojamento para evitar a viagem de madrugada no Sábado, 25 e 26 de Janeiro de 2020

Data limite de inscrição: 15 de Dezembro 2019. Após esta data não será garantido a pernoita no alojamento, nem as refeições, sendo da responsabilidade do(a) participante.

Número mínimo de participantes, para que a actividade se realize : 5

Número máximo de participantes : 10

Solicitar a inscrição para o email trilhosecumes@gmail.com

ROTA DAS MINAS DO CÍRIO

Este percurso terá início em Valezim, passando num vale encaixado na encosta ocidental da Serra da Estrela. A povoação é rica em história, evidenciando um conjunto variado de monumentos e ruínas de um antigo complexo mineiro.

Na aldeia, o património edificado sobressai a pitoresca capela de São Domingos, o solar da família Castelo Branco, o pelourinho e a igreja de Nossa Senhora do Rosário, de raiz medieval.

A paisagem é marcada por contrastes acentuados, predominando matas de pinheiros e castanheiros, campos agrícolas em socalcos e habitats ribeirinhos.

O caminho florestal leva-nos às minas do Círio, um antigo complexo de exploração onde eram extraídos o volfrâmio e o estanho, nos tempos da Segunda Guerra Mundial

Património Natural:

  • Ribeira de Valezim

  • Poço das Lajes

Património Histórico - Cultural:

  • Igreja de Nossa Senhora do Rosário

  • Capela de São Domingos

  • Caminho medieval

  • Solar da Família Castelo Branco

  • Fonte quinhentista

  • Pelourinho

  • Minas do Círio

  • Moinhos Hidráulicos

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Circular

  • Início e fim do percurso: Estrada Nacional 231 (Junto às piscinas)

  • Distância: 7 Quilómetros

  • Duração aproximada: 2h30m

  • Grau de dificuldade: Algo difícil

  • Desnível acumulado: +504 metros /-504metros

  • Altitude mínima: 400 metros

  • Altitude máxima: 712 metros

ROTA DA CANIÇA

Este percurso desenvolve-se ao longo do Vale da Ribeira da Caniça, onde a paisagem e dominada por Soutos, Pinhais, Matos e afloramentos rochosos.

Esta caminhada merece um destaque especial ao souto da Lapa, um bosque de castanheiros centenários que suportam uma elevada diversidade de espécies de fauna e de flora, algumas das quais de ocorrência rara em Portugal.

Merecem também destaque as quedas da Caniça, os famosos Cornos do Diabo, o buraco do Sumo, onde a água corre de forma subterrânea.

Património Natural:

  • Souto

  • Praia Fluvial

  • Quedas da Caniça

  • Cornos do Diabo

  • Buraco do Sumo

Património Histórico-Cultural:

  • Ponte da Caniça

  • Capela da Nossa Senhora do Amparo

  • Infraestruturas hidroeléctrias

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Circular

  • Início e fim do percurso: Lapa dos Dinheiros (Igreja Matriz)

  • Distância: 7 Quilómetros

  • Duração aproximada: 2h45 minutos

  • Grau de dificuldade: Algo difícil

  • Desnível acumulado: + 471 metros / - 471 metros

  • Altitude mínima: 622 metros

  • Altitude máxima: 922 metros

PREÇO INDIVIDUAL : 100 €

O que está incluído ?

  • Acompanhamento técnico do monitor de montanhismo e escalada devidamente credenciado profissionalmente pela Escola Nacional de Montanhismo, com 22 anos de experiência.

  • Visita ao Centro de Interpretação do Geopark Mundial da Serra da Estrela

  • 2 Noites em alojamento nas Penhas da Saúde, em camaratas.

  • 2 Pequenos-almoços

  • 1 Jantar

  • Seguro de Responsabilidade Civil e de Acidentes Pessoais durante a actividade.

Nota: Entre os participantes poderá ser combinado um sistema de boleias para minimizar os custos de deslocação até à Serra da Estrela.

LISTA DE MATERIAL INDIVIDUAL OBRIGATÓRIA PARA SUA SEGURANÇA E CONFORTO:

  • Gorro ou passa-montanhas

  • Saco-Cama

  • Bastões de caminhada

  • Protector solar, labial.

  • Óculos de sol

  • 1 Impermeável/Corta vento

  • 1 Polar

  • 1 Polar suplente

  • 1 Par de Luvas Polares

  • 2 T-shirt´s térmicas ou normais do dia-a-dia

  • Calças de montanhismo/Pedestrianismo

  • 2 Pares de meias de pedestrianismo (caminhadas)

  • Botas de pedestrianismo (caminhadas) / montanhismo

  • 1 Cantil de 1,5 Lt ou uma Garrafa de 1,5 Lt

  • Barras energéticas

  • Frutos secos

  • 2 Almoços ( Sandes, Fruta, sumos, ao critério de cada participante)

  • Material de Higiene Individual: Escova e pasta de dentes, chinelos para banho, toalha de banho, desodorizante, etc.

  • Muda de roupa interior para 2 dias.

  • Roupa de pernoita

Rota Ribeira de Alvoco e Rota da Missa

Rota Ribeira de Alvoco e Rota da Missa

Data: 22 de Maio a partir das 21h no alojamento para evitar a viagem de madrugada no Sábado, 23 e 24 de Maio de 2020

Data limite de inscrição: 15 de Abril 2020. Após esta data não será garantido a pernoita no alojamento, nem as refeições, sendo da responsabilidade do(a) participante.

Número mínimo de participantes, para que a actividade se realize : 5

Número máximo de participantes : 10

Solicitar a inscrição para o email trilhosecumes@gmail.com

ROTA DA RIBEIRA DE ALVOCO

Este percurso passa um vale entre a Serra do Açor e da Serra da Estrela, ligando Alvoco da Serra e Vide. Na paisagem observam-se locais que comprovam o passado agro-pastoril dos habitantes do vale, onde destacam-se a singularidade dos poços de broca, locais esses onde o curso da ribeira fora desviado.

O trajecto será por um vale sinuoso e extenso, onde outrora era a principal via de comunicação entre as povoações dispersas ao longo deste extraordinário vale. A paisagem é marcada por pinhais, matos e áreas agrícolas.

Não esquecer também, os aluviões , presentes nas ribeiras e nos terrenos dispostos em socalcos, o lagar Vara da Barroca Escura, os Poços de Broca, as levadas e os muros em pedra para protecção dos campos agrícolas, em caso de cheias.

De destacar também, ao longo das margens, os bosquetes de azereiro e azevinho, marcados pela sua exuberância da folhagem e biodiversidade que suportam.

Património Natural:

  • Vale da Ribeira de Alvoco

  • Depósitos aluviais

  • Meandros da Ribeira

  • Poço do Lagar

Património Histórico - Cultural:

  • Socalcos agrícolas

  • Poços de broca do Aguincho, Frádigas, Barriosa e Muro.

  • Ruínas do Lagar Vara da Barroca Escura

  • Moinhos Hidráulicos

  • Levadas de Rega

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Linear

  • Início e fim do percurso: Alvoco da Serra (Capela de Santo António) e Vide (Igreja Matriz)

  • Distância: 17 Quilómetros

  • Duração aproximada: 6h30m

  • Grau de dificuldade: Difícil

  • Desnível acumulado: + 214 metros /- 587 metros

  • Altitude mínima: 292 metros

  • Altitude máxima: 682 metros

ROTA DA MISSA

Este percurso passa por um caminho antigo que assegurava a ligação entre as povoações do Vale da Ribeira da Teixeira.

O nome deste percurso pedestre, resulta do caminho que os antigos habitantes faziam no passado, para assistirem à missa dominical na Capela de Nossa Senhora da Conceição, em Teixeira.

Este caminho de relevo acidentado, é dominado por campos agrícolas instalados em socalcos, matos de giestas, manchas de medronheiros e pinhais.

Podemos observar durante este singular percurso, arquitectura de carácter popular o casario em xisto das aldeias, o lagar Vara de Teixeira, muros de xisto em paralelo à ribeira, protegendo os campos, alambiques para a destilação do medronho.

Património Natural:

  • Ribeira da Teixeira

  • Meandros fluviais

Património Histórico-Cultural:

  • Lagar de vara de azeite

  • Alambiques

  • Socalcos agrícolas

  • Forno comunitário

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Linear

  • Início e fim do percurso: Teixeira (Associação dos Amigos de Teixeira)

  • Distância: 5 Quilómetros

  • Duração aproximada: 2h

  • Grau de dificuldade: Fácil

  • Desnível acumulado: + 230 metros / - 421 metros

  • Altitude mínima: 426 metros

  • Altitude máxima: 602 metros

PREÇO INDIVIDUAL : 100 €

O que está incluído ?

  • Acompanhamento técnico do monitor de montanhismo e escalada devidamente credenciado profissionalmente pela Escola Nacional de Montanhismo, com 22 anos de experiência.

  • Visita ao Centro de Interpretação do Geopark Mundial da Serra da Estrela

  • 2 Noites em alojamento nas Penhas da Saúde, em camaratas.

  • 2 Pequenos-almoços

  • 1 Jantar

  • Seguro de Responsabilidade Civil e de Acidentes Pessoais durante a actividade.

Nota: Entre os participantes poderá ser combinado um sistema de boleias para minimizar os custos de deslocação até à Serra da Estrela.

LISTA DE MATERIAL INDIVIDUAL OBRIGATÓRIA PARA SUA SEGURANÇA E CONFORTO:

  • Gorro ou passa-montanhas

  • Saco-Cama

  • Bastões de caminhada

  • Protector solar, labial.

  • Óculos de sol

  • 1 Impermeável/Corta vento

  • 1 Polar

  • 1 Polar suplente

  • 2 T-shirt´s térmicas ou normais do dia-a-dia

  • Calças de montanhismo/Pedestrianismo

  • 2 Pares de meias de pedestrianismo (caminhadas)

  • Botas de pedestrianismo (caminhadas) / montanhismo

  • 1 Cantil de 1,5 Lt ou uma Garrafa de 1,5 Lt

  • Barras energéticas

  • Frutos secos

  • 2 Almoços ( Sandes, Fruta, sumos, ao critério de cada participante)

  • Material de Higiene Individual: Escova e pasta de dentes, chinelos para banho, toalha de banho, desodorizante, etc.

  • Muda de roupa interior para 2 dias.

  • Roupa de pernoita

 Rota da Ribeira de Loriga e Rota da Ribeira do Piodão

Rota da Ribeira de Loriga e Rota da Ribeira do Piodão

Data: 26 de Junho a partir das 21h no alojamento para evitar a viagem de madrugada no Sábado, 27 e 28 de Junho de 2020

Data limite de inscrição: 15 de Maio 2020. Após esta data não será garantido a pernoita no alojamento, nem as refeições, sendo da responsabilidade do(a) participante.

Número mínimo de participantes, para que a actividade se realize : 5

Número máximo de participantes : 10

Solicitar a inscrição para o email trilhosecumes@gmail.com

ROTA DA RIBEIRA DE LORIGA

Este percurso será realizado ao longo de um vale, atravessado pela Ribeira de Loriga, fazendo a ligação entre Loriga e Vide.

Uma actividade de pedestrianismo em que iremos percorrer paisagens dominadas por bosques, matos e campos em socalcos, seguiremos também por veredas antigas, tendo por companhia uma das mais extensas redes de levadas de rega, da Serra da Estrela. Nos locais mais inóspitos, estão presentes azinheiras, azereiros, azevinhos, relíquias da vegetação presente neste fantástico vale.

A erosão modelou cavidades de grandes dimensões, designadas de marmitas de gigante. Em Serapitel e no Muro, em meandros apertado, foram também abertos canais para desvio da ribeira e aproveitamento dos terrenos drenados.

Estas obras foram datadas com cerca de 200 anos, também conhecidas como Poço das Brocas, dando origem a imponentes quedas de água.

Património Natural:

  • Vale da Ribeira de Loriga

  • Marmitas de Gigante

  • Meandros da Ribeira

  • Reserva Botânica de Casal do Rei

Património Histórico - Cultural:

  • Socalcos agrícolas

  • Levadas de regadio

  • Lugares do Serapitel e Várzea

  • Moinhos hidráulicos

  • Aldeia de Casal do Rei

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Linear

  • Início e fim do percurso: Loriga (Largo da Carreira)

  • Distância: 17 Quilómetros

  • Duração aproximada: 5h30m

  • Grau de dificuldade: Difícil

  • Desnível acumulado: +805 metros /- 1282 metros

  • Altitude mínima: 292 metros

  • Altitude máxima: 768 metros

ROTA DA RIBEIRA DO PIODÃO

Este percurso será num vale percorrido pela Ribeira do Piodão, estabelecendo a ligação entre Vide e Rodeado e Coucedeira.

Passaremos por uma paisagem predominante de campos agrícolas em socalcos, pinhais, matos de giestas e habitats ribeirinhos.

No Rodeado e Coucedeira, o casario conserva a traça típica das aldeias de xisto. Já em Vide destaca-se a ponte medieval, em cantaria de granito, de arco único de volta perfeita e a Igreja Matriz.

Património Natural:

  • Ribeira do Piodão

Património Histórico-Cultural:

  • Núcleo antigo de Vide

  • Arquitectura popular em Xisto

  • Ponte Medieval

  • Moinhos de água

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Circular

  • Início e fim do percurso: Vide (Igreja Matriz)

  • Distância: 5 Quilómetros

  • Duração aproximada: 2 horas

  • Grau de dificuldade: Fácil

  • Desnível acumulado: + 212 metros / - 212 metros

  • Altitude mínima: 292 metros

  • Altitude máxima: 362 metros

PREÇO INDIVIDUAL : 100 €

O que está incluído ?

  • Acompanhamento técnico do monitor de montanhismo e escalada devidamente credenciado profissionalmente pela Escola Nacional de Montanhismo, com 22 anos de experiência.

  • Visita ao Centro de Interpretação do Geopark Mundial da Serra da Estrela

  • 2 Noites em alojamento nas Penhas da Saúde, em camaratas.

  • 2 Pequenos-almoços

  • 1 Jantar

  • Seguro de Responsabilidade Civil e de Acidentes Pessoais durante a actividade.

Nota: Entre os participantes poderá ser combinado um sistema de boleias para minimizar os custos de deslocação até à Serra da Estrela.

LISTA DE MATERIAL INDIVIDUAL OBRIGATÓRIA PARA SUA SEGURANÇA E CONFORTO:

  • Chapéu

  • Saco-Cama

  • Bastões de caminhada

  • Protector solar, labial.

  • Óculos de sol

  • 1 Impermeável/Corta vento

  • 1 Polar

  • 1 Polar suplente

  • 2 T-shirt´s térmicas ou normais do dia-a-dia

  • Calças de montanhismo/Pedestrianismo

  • 2 Pares de meias de pedestrianismo (caminhadas)

  • Botas de pedestrianismo (caminhadas) / montanhismo

  • 1 Cantil de 1,5 Lt ou uma Garrafa de 1,5 Lt

  • Barras energéticas

  • Frutos secos

  • 2 Almoços ( Sandes, Fruta, sumos, ao critério de cada participante)

  • Material de Higiene Individual: Escova e pasta de dentes, chinelos para banho, toalha de banho, desodorizante, etc.

  • Muda de roupa interior para 2 dias.

  • Roupa de pernoita

Rota da Eira e Rota da Fervença

Rota da Eira e Rota da Fervença

Data: 17 de Julho a partir das 21h no alojamento para evitar a viagem de madrugada no Sábado, 18 e 19 de Julho de 2020

Data limite de inscrição: 15 de Junho 2020. Após esta data não será garantido a pernoita no alojamento, nem as refeições, sendo da responsabilidade do(a) participante.

Número mínimo de participantes, para que a actividade se realize : 5

Número máximo de participantes : 10

Solicitar a inscrição para o email trilhosecumes@gmail.com

ROTA DA EIRA

Este percurso será realizado na encosta da pitoresca vila de montanha, de seu nome Loriga, durante uma paisagem de relevo acidentado, que passa pela Ribeira da Nave.

Uma actividade de pedestrianismo que abrange uma zona com características rurais, onde predominam extensas áreas agrícolas em socalcos, soutos e pinhais, não esquecendo o património popular sem igual e rico.

Durante o percurso, salientar a moenda, o moinho do Teixeiro, a eira do Mendes e o lugar da Canada. Do alto do percurso, teremos o privilégio de observar as vertentes da Serra da Estrela e a Garganta de Loriga, localizada no Vale Glaciar de Loriga.

Património Natural:

  • Ribeira da Nave

  • Bosques de Folhosas

  • Cabeço das Resteves

Património Histórico - Cultural:

  • Núcleo Antigo de Loriga

  • Calçada antiga e ponte Nova

  • Moenda e moinho do Teixeiro

  • Socalcos agrícolas

  • Eira do Mendes

  • Lugar da Canada

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Circular

  • Início e fim do percurso: Loriga

  • Distância: 2,8 Quilómetros

  • Duração aproximada: 1h30m

  • Grau de dificuldade: Fácil

  • Desnível acumulado: +263 metros /-263 metros

  • Altitude mínima: 678 metros

  • Altitude máxima: 850 metros

ROTA DA FERVENÇA

Ruma a aldeia mais alta de Portugal, o Sabugueiro, para um terreno acidentado que atravessa as Ribeiras do Covão do Urso e da Fervença.

Nesta paisagem existem, pinhais, lameiros, matos de urze e giesta. Já no Covão do Urso, encontraremos a acção dos já extintos glaciares que outrora predominaram na Serra da Estrela, sobressaindo as moreias, resultado do avanço do glaciar, durante a Era Glaciar a que a montanha esteve sujeita.

Já próximo do Cabeço da Carnazeda, no cimo da encosta, a ribeira da Fervença brinda-nos com uma cascata, proporcionando uma paisagem sobre o vale e a aldeia. Já na confluência desta ribeira, a abundância de água mantém os lameiros verdejantes durante todo o ano.

Património Natural:

  • Covão do Urso

  • Cascata da Fervença

  • Lameiros do covão da Espada

Património Histórico-Cultural:

  • Casario tradicional em granito

  • Forno Comunitário

  • Moinhos de água

  • Ponte do Porto Cabrito

Especificações do percurso pedestre:

  • Tipo de Percurso: Circular

  • Início e fim do percurso: Sabugueiro

  • Distância: 5 Quilómetros

  • Duração aproximada: 2h30m

  • Grau de dificuldade: Fácil

  • Desnível acumulado: +220metros /-220 metros

  • Altitude mínima: 1028 metros

  • Altitude máxima: 1232 metros

PREÇO INDIVIDUAL : 100 €

O que está incluído ?

  • Acompanhamento técnico do monitor de montanhismo e escalada devidamente credenciado profissionalmente pela Escola Nacional de Montanhismo, com 22 anos de experiência.

  • Visita ao Centro de Interpretação do Geopark Mundial da Serra da Estrela

  • 2 Noites em alojamento nas Penhas da Saúde, em camaratas.

  • 2 Pequenos-almoços

  • 1 Jantar

  • Seguro de Responsabilidade Civil e de Acidentes Pessoais durante a actividade.

Nota: Entre os participantes poderá ser combinado um sistema de boleias para minimizar os custos de deslocação até à Serra da Estrela.

LISTA DE MATERIAL INDIVIDUAL OBRIGATÓRIA PARA SUA SEGURANÇA E CONFORTO:

  • Chapéu

  • Saco-Cama

  • Bastões de caminhada

  • Protector solar, labial.

  • Óculos de sol

  • 1 Impermeável/Corta vento

  • 1 Polar

  • 1 Polar suplente

  • 2 T-shirt´s térmicas ou normais do dia-a-dia

  • Calças de montanhismo/Pedestrianismo

  • 2 Pares de meias de pedestrianismo (caminhadas)

  • Botas de pedestrianismo (caminhadas) / montanhismo

  • 1 Cantil de 1,5 Lt ou uma Garrafa de 1,5 Lt

  • Barras energéticas

  • Frutos secos

  • 2 Almoços ( Sandes, Fruta, sumos, ao critério de cada participante)

  • Material de Higiene Individual: Escova e pasta de dentes, chinelos para banho, toalha de banho, desodorizante, etc.

  • Muda de roupa interior para 2 dias.

  • Roupa de pernoita